sábado, fevereiro 13, 2010

Por quê comigo, meu Deus?!

Acabei de descobrir que meu nome foi inscrito no Serasa. Logo eu, que não devo nem bala para os outros, estou sendo cobrada por uma suposta dívida de uma conta encerrada no Bradesco há mais de 3 anos!!!

(PAUSA PARA UM DESABAFO: BANCO DE BOSTA! Nunca sejam correntistas desse banco!).

Eu abri essa conta quando fiz um de meus estágios. Aproveitei e fiz num VGBL. Quando faltava 1 mês para meu casamento, aproveitei para ir até a minha agência em São Paulo e pedi o encerramento (assinei papel e tudo) da conta e a transferência do meu VGBL para o Banco Real.

Foi um parto. O dinheiro do meu VGBL ficou "desaparecido" por mais de 6 meses! o Bradesco dizia que tinha remetido ao Real, o Real dizia que nada tinha sido enviado. Só depois de conseguir falar com o Superintendente de Previdência do Bradesco é que o meu dinheiro milagrosamente apareceu no Real.

A conta foi encerrada em março de 2007. Mas agora chega um carta do Serasa dizendo que meu nome está "sujo" e que eu tenho que pagar. Ligo no Bradesco e eles dizem que minha dívida é de R$980! É para tirar qualquer um do sério.

Eu tenho certeza que eu tinha o papel do encerramento até uns meses atrás. Mas não sei o que aconteceu, se guardei, se já joguei fora. O engraçado é que faltando poucos dias para prescrever a dívida (3 anos, segundo o CC) eu recebo uma carta de cobrança. Parece até que eles estavam esperando por isso!

O pior é que não estou em São Paulo para procurar o papel. Não vou conseguir sossegar o carnaval todo pensando nessa merda. Minha vontade é pegar o carro e ir até São Paulo olhar as minhas pastas... mas estou me segurando. O banco só abre na quarta mesmo.

Mas JURO que se eu achar esse papel, o Bradesco vai ser arrepender de ter feito essa palhaçada comigo, podem apostar!

4 comentários:

Adriana Mello disse...

Virgínia,

To passada. ´Deve ser uma situação horrível. Tomara que vc encontre seu comprovante. Vou ficar torcendo.

Beijos
Dri

J.F. disse...

Virgínia,
Se você encontrar esse papel, chega no gerente da agência e ameaça mandar carta pros jornais. Você vai ver que belez! Resolvem-se todos os seus problemas bancários, na hora. Meu VGBL apareceu rapidinho, quando ameacei ir para os jornais.
Estive lendo suas postagens anteriores e gostei muito de seu estilo. Mas fiquei estarrecido com sua postagem sobre a reciclagem das roupas. Compreendi, finalmente, a razão do desaparecimento de minhas roupas velhas, tão confortáveis. A Nina deve estar fazendo exatamente isso que você fez. Mas, só com minhas roupas. As dela, acho que ela conserva todas, desde que nos casamos, em mil e novecentos e quaraquaquá.
Abração e boa sorte com o concurso.

Virgínia disse...

Dri: Fico só pensando se eu tivesse ido a uma loja e a compra tivesse sido negada por eu estar com o "nome sujo"... esse constrangimento é indescritível. Ainda bem que não aconteceu. Bk

J. F. Que bom que você gostou do blog. Cheio de bobeiras, é verdade! rsrsrsrsr
Hummm tá desconfiado que ela recicla aí tb? kkkkk Pode apostar que sim! :D
Obrigada pelos votos de boa sorte!

Nade disse...

Nossa, Ví, que problemão!
Mas será resolvido, pela fé!
Sabe que ano passado passei por um problema semelhante com o Santander, um banco que não recomendo a ninguém, e bastou um advogado amigo meu interceder por mim que tudo foi resolvido.
Bjs, querida!