segunda-feira, janeiro 19, 2009

Tutankamon

Eu não sei me desfazer das coisas. É fato! Para mim, tudo pode ter utilidade um dia. Não é a mesma coisa do maridão (que eu já citei aqui). Ele é desorganizado. Eu, junto coisas.

Minha mãe já disse que vou ser daquelas velhinhas que são encontradas em casa soterradas por toneladas e lixo e tranqueiras. A doença tem até nome "Síndrome de Diógenes". Mas na minha opinião, eu não chego nem perto disso. Até porque ainda não cheguei à idade crítica! ahsduahudhaudhuahd



Primeiro, não junto coisas velhas ou quebradas. Só se elas tiverem algum valor sentimental. Então, não corro o risco de ficar fuçando o lixo alheio, nem vou ficar guardando jornal do dia anterior. Mas confesso guardo revistas por um bom tempo.

Tenho tickets de museus que fui, passagens aéreas de férias importantes, mapas, papel de chocolate, cartas de amigos, agendas, textos interessantes da faculdade, roupas (essa é a parte mais difícil; só passo para frente quando realmente não dá mais para usar. O que significa, muitas vezes, que não serve para outra pessoa também) e centenas de outros cacarecos "úteis".

Mas vez ou outra me dá uma fúria inexplicável. E nesse momento estou vivendo essa fúria. Hoje me desfiz de uma boa dezena de revistas (não sem antes separar fotos que eu achava legais), joguei quilos de papéis fora (principalmente contas já pagas e papéis com anotações impossíveis de se desvendar) e estou louca para atacar o armário do marido! Sim o dele! Tem mais roupa do que eu e muitas precisando mudar de dono. Mas isso eu tenho que fazer escondida! ehheheheheh

Já organizei documentos para o IR, do carro, nossos... mas ainda não me contentei. Acho que vou começar a mandar revelar fotos (ficar vendo na tela é sem graça) e gravar as do computador no CD para esvaziar a memória um pouco.

Vamos ver até quando essa maré vai durar. Por enquanto, não deixem nada fora do lugar na minha frente!

PS: O título é em homenagem ao faraó egípcio que teve a tumba encontrada intacta e, consequentemente, cheia de cacarecos "úteis".

4 comentários:

Re disse...

Vi, sou o oposto de vc..nao consigo guardar nada..assino a Veja, qdo chega a da semana, a anterior vai automaticamente pro lixo..roupa? se compro uma, outra sai imediatamente do armário. Papeis? Todos no lixo, exceto as contas pagas, guardadas em pastas suspensas...nossa, to parecendo a Monica do Friends, hahaha.

Virgínia disse...

Ai, Re? Não quer vir aqui em casa para fazer uma geral por mim? ahduahduahduh Bj

Cláudia disse...

Eu sou igual a Re, às vezes até me arrependo das coisa que dou.
Meu ex-marido guardava tudo, nem sei quantas vezes dei roupa dele e ele nem notou...
beijo e boa sorte!

Virgínia disse...

Hummmm acho que vou chamar as duas então, para dar um jeito nas coisas aqui em casa! Só que vão ter que me amarrar, porque sou dura-na-queda! ahduasdhauhd Bjs